COLOQUE O PROJETO VERÃO EM PRÁTICA
14/07

RSB_HOME

No Pain. No GainEssa semana vamos continuar falando sobre emagrecimento. Na última coluna explicamos como funciona o processo para eliminar aqueles quilinhos extras indesejados e demos o alerta: a hora certa de começar o projeto verão é agora, no inverno. Para quem se interessou, hoje vamos contar como você pode colocar esse plano em prática.

Basicamente existem duas estratégias de treinamento para o inverno: a primeira é a perda de peso total, ou seja, você subir na balança e ver o número diminuir. A segunda é fazer um planejamento que permita que você mantenha, ou até aumente, a sua massa muscular e diminua a sua gordura corporal no momento em que mais desejamos estar em forma: o verão.

A primeira maneira baseia-se na prática de atividades de alto gasto calórico, como exercícios aeróbios, e em uma dieta de baixa quantidade de calorias. Simplificando: é um processo complicado e sacrificante.

Já a segunda maneira divide os meses que faltam até o verão em fases, com objetivos específicos, o que facilita avaliações constantes de rendimento e possíveis alterações no treinamento, garantindo um resultado final satisfatório.

Como já falamos na coluna anterior (clique aqui para ler), no inverno consumimos uma quantidade maior de energia (calorias) e as baixas temperaturas dificultam, e até impedem, que façamos exercícios ao ar livre. Por isso, o ideal é aumentarmos a massa muscular com treinamentos mais intensos de musculação e nos alimentarmos com sabedoria.

Assim, quando a primavera chegar, o objetivo será a definição – quando um balanço calórico negativo será feito com o foco de preservar a massa muscular adquirida nos meses anteriores e eliminar apenas a gordura corporal. Depois desses passos, no verão o aluno precisará apenas manter os resultados conquistados.

Fisiologicamente não conseguimos alterar nenhuma dessas duas variáveis de forma radical sem prejudicar a nossa saúde. Grande perda de peso em pequeno espaço de tempo só acontece com dietas chamadas de inanição – que ficam abaixo de 800 quilocalorias por dia e normalmente são acompanhadas de inibidores de apetite, como derivados de anfetamina.

O aumento da massa muscular em grande magnitude em espaço de tempo reduzido só é alcançado com o uso de anabolizantes, que oferecem grandes efeitos colaterais e riscos à saúde.

Por isso, se deseja ter um shape bonito e saudável no verão, inicie já o seu treinamento. Determine uma meta, procure o seu professor, monte o seu planejamento e trabalhe com determinação. O resultado valerá a pena.

Comparando resultados

Um caso muito interessante aconteceu com uma dupla de amigos. Os dois treinavam juntos desde o final do verão de 2012.

Ambos fizeram um plano anual. Porém, um deles treinou o inverno todo enquanto o outro pulou os meses mais frios e voltou à academia só em setembro. Quando saíram de férias, no início de dezembro, os dois fizeram uma avaliação física para checar os resultados. Aquele que parou de treinar no outono/inverno, obviamente, reclamou.

Ele disse: Não é justo! Iniciamos o programa juntos e eu não obtive os mesmos resultados.
O amigo respondeu: só fazer o plano da academia não lhe garante resultados. O que me fez estar melhor do que você foi o fato de ter treinado o ano inteiro.

Moral da história: tire a bunda do sofá e venha treinar no inverno também!


Deixe seu comentário

1000 RSC_CHARS_LEFT

Antispam RSC_REFRESH_CAPTCHA RSC_CAPTCHA_CASE_INSENSITIVE

Facebook
Instagram